O carnaval deste ano já foi cancelado em muitas regiões do país, em alguns locais houve apenas o cancelamento dos desfiles de rua e em algumas cidades os bloquinhos de rua foram cancelados.

Neste artigo vamos trazer as cidades em que foi confirmado o cancelamento do carnaval de 2022 no Brasil:

Capitais brasileiras em que o carnaval de 2022 foi cancelado

São Paulo

A maior cidade brasileira até o início deste ano ainda não havia decidido o que iria fazer a respeito dos desfiles de carnaval, até então os responsáveis tinham decidido mantê-los.

De acordo com informações da prefeitura tudo irá depender do cenário que a cidade apresentar neste mês. No entanto, o prefeito Ricardo Nunes anunciou no dia 6 de janeiro que o carnaval de rua seria cancelado.

Os famosos bloquinhos da capital paulista não poderão acontecer, devido a grande aglomeração que geram nas ruas. Os desfiles no Anhembi das escolas de samba até então continuam liberados.

Salvador

Já na cidade de Salvador as autoridades baianas cancelaram tanto os desfiles, quanto os blocos de rua. O governador Rui Costa confirmou o cancelamento do carnaval deste ano, em razão do baixo número de vacinados com a segunda dose e uma epidemia que está se espalhando pela cidade.

Fortaleza

Em novembro, já estava decidido a suspensão do evento no município, e a destinação de 14 milhões que seriam investidos para as secretarias responsáveis pela saúde, segurança alimentar e cultura local.

A decisão foi tomada devido a alta de casos de contaminados na cidade, que também levou ao cancelamento do réveillon.

Palmas

Em Palmas as autoridades ainda não decidiram o que será do carnaval deste ano. No entanto, informaram que continuaram monitorando a situação do município para tomar qualquer decisão em relação a realização do evento.

Pontos como o número de casos e o número de vacinados no município serão avaliados, pois o evento deixa as pessoas expostas, por se tornar impossível a prática do distanciamento social durante sua realização.

Belo Horizonte

A prefeitura da cidade de Belo Horizonte, ainda não definiu se cancelará ou não os desfiles e blocos de rua do carnaval deste ano, porém, confirmou que não irá patrociná-los e não irá investir em infraestrutura para o evento.

Curitiba

No município de Curitiba, o carnaval será realizado de forma virtual, assim como foi no ano passado. A decisão ficou definida no dia 21 de dezembro atendendo ao pedido da Liga das Escolas de Samba e Blocos Carnavalescos.

Os vídeos dos desfiles serão transmitidos pelas redes sociais da prefeitura de Curitiba.

Lista atual das cidades que tiveram os desfiles de carnaval cancelados

Por permitir um controle maior, os desfiles, ao contrário dos blocos de rua, foram mantidos em várias cidades brasileiras. Trouxemos aqui as cidades que já decretaram o cancelamento dos desfiles:

Cuiabá e Fortaleza são os dois municípios que tiveram o cancelamento completo das festas, porém, ainda existem algumas outras cidades que ainda não decidiram de forma definitiva, por estarem aguardando a sua situação em relação à pandemia.

Cidades como:

Cidades da Bahia

Ouro Preto e mais 29 municípios de Minas

São Luís do Paraitinga

As cidades do Distrito Federal

Maceió

Florianópolis

João Pessoa

São Luís

Vitória

Campo Grande

blocos de rua cancelados

Lista atual das cidades que tiveram os blocos de rua cancelados

Já no caso dos blocos de rua as medidas foram mais rigorosas, por apresentarem um risco maior de contaminação, muitas cidades decretaram o cancelamento deles. Saiba quais foram as cidades e estados que já decidiram por cancelar as festas de rua:

Brasília

Em Brasília as festas públicas foram canceladas devido ao aumento dos casos da Covid.

Belém

Também no fim de novembro Belém confirmou o cancelamento das festas de rua e manifestações do carnaval, depois que os primeiros casos no mundo de ômicron foram registrados.

Curitiba

E em Curitiba, como já havia sido definido que as festas de carnaval seriam realizadas de forma virtual, a programação de rua também irá acontecer da mesma forma.

Campo Grande

Campo Grande também foi outra cidade que assim como os desfiles, teve suas festas de rua canceladas, devido ao avanço da pandemia no país.

Cuiabá

Cuiabá foi outra cidade que teve as apresentações dos bloquinhos canceladas, devido aos riscos da nova variante do vírus e pelo baixo número de vacinados entre seus habitantes.

Florianópolis

O prefeito da cidade de Florianópolis, Gean Loureiro também confirmou o cancelamento das comemorações da data na cidade. Devido às incertezas e situação atual da pandemia, Gean preferiu optar pelo cancelamento.

João Pessoa

Já em João Pessoa, o prefeito decidiu transferir o carnaval de rua para um local fechado ao invés de cancelá-lo, para desta forma ter um controle maior da aglomeração.

Goiânia

Na cidade de Goiânia, todas as comemorações foram canceladas.

Macapá

O estado cancelou a festa de carnaval em todas as suas cidades.

Manaus

Em Manaus, a prefeitura anunciou o cancelamento das festas e blocos nas ruas. Devido aos casos que foram registrados de dupla infecção de Covid e influenza no município.

Natal

No município de Natal a prefeitura optou por cancelar as festas de ruas, devido ao grande número de casos registrados na cidade.

Recife

Recife também teve o carnaval de rua cancelado, as autoridades estudam a possibilidade de realizar os eventos em outras épocas do ano, de acordo com a situação que a cidade apresentar.

Rio de Janeiro

No Rio, pelo segundo ano consecutivo devido aos muitos casos de contaminações do Covid, as festas de rua foram canceladas.

Salvador

Em Salvador, o governador Rui Costa optou por cancelar as festas de rua e as comemorações do Carnaval.

São Luís

O prefeito Eduardo Braide no dia 5 de janeiro decidiu realizar o cancelamento das festas de rua.

Vitória

No ano de 2021 as festas em Vitória foram canceladas, este ano no entanto, a administração do município ainda discute a possibilidade dos blocos se apresentarem em locais fechados.

Como o cenário do país ainda está crítico, e devido a grande parte da população ainda não ter sido completamente imunizada, a realização do Carnaval é algo pouco provável. As medidas que foram tomadas foram formas de prevenção e a fim de reduzir as contaminações do Covid. 

Similar Posts

Leave a Reply

Your email address will not be published.